Iluminador vaginal? Entenda mais sobre o novo “hit da beleza”


A indústria da beleza não para nunca, não é mesmo? Recentemente lançaram um produto chamado “The Perfect V”, um iluminador vaginal, que promete disfarçar imperfeições na região vaginal. Dando um aspecto “aveludado” ao local.

Leia mais:
O machismo da vida cotidiana

Porém, agora surgem os questionamentos, certo? Por quê?! Qual a necessidade disso?! A cada dia surgem novas ideias e novos produtos na indústria de cosméticos, e sabem o que mais? SEMPRE voltados as mulheres. Sempre numa tentativa de corrigir “falhas” em nossos corpos, como se fôssemos objetos ou até mesmo bonecas, que diariamente inventam formas de nos deixar ainda mais “perfeitas”. Mas, perfeitas para quem mesmo?

Como se, diariamente, trassassem uma luta contra qualquer traço fora do padrão presente em nossos corpos. Corrigem a sobrancelha, a barriga, o cabelo, a vagina… Mas não corrigem a mente dessas pessoas que buscam romantizar o corpo da mulher como um troféu a ser polido diariamente.

Estamos, a cada dia, nos escondendo atrás de ideais ditados por outras pessoas (muitas vezes homens) e adoecemos por conta disso. Adoecemos mentalmente, enfraquecemos nosso psicológico. Passamos a acreditar que o ideal de uma mulher é ser “perfeita” aos olhos alheios. Porém, esquecemos que já somos perfeitas exatamente como somos!

Eu amo maquiagem, não posso negar, mas porque eu gosto de cores sim. Não porque quero agradar olhos alheios! Não porque sinto necessidade de mostrar cores aos outros. Embora não seja aquilo que nos ensinam diariamente: nos ensinam a ser impecáveis, a investir cada vez mais em produtos de beleza (muitas vezes bizarros e absurdos), partindo de um pressuposto que nós mulheres competimos o tempo todo para ser a “mais bela”.

Uma coisa é realçar seus pontos fortes com uma maquiagem, outra coisa é partir pra uma competição e querer apagar o brilho da coleguinha.

Por favor, mulheres, não caiam nessa história de perfeição! E gente, cá entre nós, o que seria uma vagina perfeita?!

Apenas trouxe o assunto a discussão, e quis expor o quão indignada fico com este tipo de situação. Parece que nada, nada em nós é bom o bastante. E pior, parece que precisamos, cada vez mais, esconder nossas diferenças, tornando-nos iguais, plastificadas, perfeitas “bonecas”. Mas não se esqueçam: bonecas foram feitas para serem manipuladas, e é isto que você quer?

 

Comentários

Comentários

Written By
More from Camila

Pensando em decorar a casa para o natal? Siga estas dicas

Falta exatamente um mês para o Natal. E eu lembro que, há...
Read More