Anorexia Nervosa – Visão Geral, Causas, Sintomas e Tratamentos

Vamos falar de uma questão que afetam algumas mulheres que buscam corpo perfeito. Muitas conhecem e sabem o que é anorexia. Mas já ouviu falar de anorexia nervosa?

Anorexia nervosa se resume ao distúrbio alimentar conseqüência da preocupação em excesso em relação ao peso do corpo, que pode gerar problemas psiquiátricos de gravidade. O indivíduo se enxerga no espelho, e mesmo que muito magro, se vê obeso. Com receio de engordar mais ainda, tem exagero em atividade física, jejua, vomita, ingere laxantes e diuréticos.

A anorexia tem manifestação em especial nas mulheres jovens, embora a incidência esteja crescendo também para homens. Em algumas vezes, os portadores do transtorno atingem de modo rápido caquexia, grau extremo de desnutrição. As pesquisas apontam que, em tais situações, o índice de mortalidade muda entre 15% e 20%.

Sintomas da Anorexia Nervosa
A perda exacerbada e rápida do peso sem qualquer justificativa, em situações de maior gravidade, o índice de massa corpórea segue inferior a 17, é sintoma característico da anorexia.

Ainda, o indivíduo se negar a participar de refeições da família, pois anoréxicos afirmam que já consumiram e que não sentem mais fome. A preocupação exacerbada com valor calórico de alimentos é mais um sintoma da anorexia; pacientes chegam a consumir somente 200 kcal diariamente.

E também a interrupção de ciclo menstrual, amenorréia, e regressão de características da mulher. É sintoma característico da anorexia depressão, comportamentos obsessivo-compulsivos, síndrome do pânico, exercício físico intenso e em exagero.

Assim como pele bastante seca e com cobertura pelo lanugo, pelos semelhantes à barba de milho. E visão distorcida em relação ao próprio corpo, mesmo que de modo extremo magros, tais indivíduos julgam estar com peso excessivo.


Causas da Anorexia Nervosa

São vários fatores que contribuem para o surgimento da doença, a predisposição genética, o conceito da atualidade da moda que estabelece a magreza absoluta como padrão de beleza. Ainda a pressão familiar e de grupo social, as mudanças neuroquímicas cerebrais, em especial em concentração de serotonina e noradrenalina.

Em relação aos grupos de risco, determinadas profissões são estabelecidas de risco para anorexia. Os atletas olímpicos, bailarinas, jóqueis, em especial, estão sujeitos a enfrentar pressão para diminuir o peso do corpo como maneira de atingir performance superior, em competições e espetáculos.

Mais um grupo de risco é formado por adolescentes. Na realidade, a faixa etária está diminuindo em situações de anorexia. A família necessita estar atenta, principalmente as meninas que fazem disfarce da perda de peso, utilizando roupas largas e soltas pelo corpo, e sempre acham uma desculpa para não ter participação em refeições familiares.

Tratamento para o Distúrbio Alimentar

Quando diagnosticado o quadro de anorexia, a reintrodução de alimentos deve ser de modo gradual, para que seja evitada maior sobrecarga cardíaca. Existem situações em que se torna essencial a internação hospitalar para que oferta gradual de calorias tenha controle pelos nutricionistas.

Não existe medicação particular para anorexia nervosa. Os medicamentos antidepressivos podem auxiliar no alívio de sintomas depressivos, de ansiedade e compulsivos. Normalmente, o tratamento destas pessoas requer trabalho da equipe multidisciplinar.

Recomendações Especiais

Uma recomendação é encaminhar ao atendimento médico de urgência o indivíduo, que por acaso, foi surpreendido com pouca vestimenta e que se encontra esquelético, apenas pele e osso.
Em algumas vezes, a família não nota a magreza excessiva, devido aos portadores da anorexia geralmente utilizar roupas largas, com disfarce do emagrecimento.  É importante avaliar com bom senso e crítica a magreza absoluta como parâmetro de beleza com imposição por meios de comunicação.

E não hesitar, pois portadores da anorexia ligada aos distúrbios psiquiátricos necessitam do acompanhamento da equipe multidisciplinar formada pelos profissionais com especialidade. E ter em mente que caquexia pode significar risco de vida se não, de modo conveniente, tratada a tempo.

Perigo da Anorexia

Anorexia é doença grave e silenciosa que acomete cada vez mais mulheres, sendo a maioria constituída por adolescentes, é distúrbio alimentar que leva indivíduos a acompanhar padrão de beleza inalcançável.

Mesmo para os que são despreocupados, não há como negar que as pessoas são o tempo inteiro levadas a consumir menos, realizar mais atividades físicas, buscar o corpo dos sonhos. A vida saudável é muito importante para todos, porém para algumas pessoas isto passa a ser ditadura, neurose, e as mesmas passam a procurar tal padrão na ausência de limites.

O receio de ganhar peso faz com que consumam pouco ou gerem vômitos para expulsão do alimento do corpo. E, mais sinais de alerta devem ser notados, sendo exemplo a recusa em se alimentar, não satisfação com o corpo, atraso em menstruar, utilização dos diuréticos, abuso do álcool ou cigarro, e preocupação de modo obsessivo em relação a alimentar-se.

A anorexia necessita ter diagnóstico e tratamento, já que a alimentação termina sendo insuficiente para nutrição do organismo e o resultado pode ser bastante grave, levando até ao falecimento.

Na situação de não atingir o extremo, leva a problemas da pele, interrupção da menstruação, queda em excesso do cabelo, moleza das unhas, afinal, o quadro inteiro ligado à desnutrição.

Via: Biosom

Comentários

Comentários

Written By
More from Biosom

4 Remédios caseiros para cuidar dos poros do rosto

Independente de idade ou momentos da vida, podem aparecer aqueles “furinhos" na...
Read More

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *